Arquivos do Blog

Ed.Nº 166 – Doom [2016]

Analise

Quando Doom chegou nos PCs em 1993 tínhamos um cenário diferente do que vemos hoje. Os computadores não tinham Internet, a mídia física no máximo era o CD-ROM ainda que jogos eram vendidos em Disquetes, o Windows era um sistema que não aparecia logo que o PC era ligado, sendo necessário digitar a palavra “Win” para acessar o Sistema Operacional.

A categoria de jogos onde podemos enxergar a tela na visão em primeira pessoa estava apenas começando e Wolfenstein 3-D tinha aparecido um ano antes.

Logo que a produção de Wolf 3D havia encerrado, os fundadores originais da id Software começaram a trabalhar no próximo título sem imaginar que Doom seria uma via de acesso para uma nova linha de jogos que começaram a surgir, e continuam a surgir até hoje.

Chegou a hora de falarmos sobre Doom (2016) na recente produção da id Software, publicada pela Bethesda Softworks. E pela primeira vez na história da franquia, o jogo está dublado e legendado em português.

Acompanhe esta análise da edição 166 do Blog MarvoxBrasil e confira várias dicas para que a sua experiência seja a melhor possível.

DOOM [PC (Análise), PS4, Xbox One, Nintendo Switch]
Desenvolvedor: id Software
Publicado por: Bethesda Softworks
Lançado em: 13/05/2016

[Tempo de leitura: 15 minutos]

Leia o resto deste post

Anúncios

Ed.Nº 137 – Rage (2011)

Analise

Faaala gamers do Brasil! Chegamos a mais uma edição do Blog MarvoxBrasil onde você está convidado para viajar comigo por áreas tão arenosas quanto as planícies de Fallout 4, utilizando armas tão precisas quanto as encontradas em Doom e travar encontros surpreendentes contra inimigos tão inteligentes quanto as criaturas que habitam os slipgates (portais) do jogo Quake.

Wasteland é gigante e para que vocês não fiquem cansados de tanto andar, fiquem tranquilos, porque as chaves já estão no contato dos veículos mais irados que já apareceu no gênero FPS, sim veículos em um jogo de Tiro, o que farão vocês se perguntarem: Estamos jogando Rock n’ Roll Racing ou assistindo Mad Max?

Na edição 137 vamos falar de Rage, um jogo que apareceu em 4 de outubro de 2011 e abriu os caminhos para o início dos trabalhos entre os Estúdios, id Software em parceria com Bethesda Softworks, daí podemos entender um pouco o motivo de tantas referências no primeiro parágrafo.

Direto de uma terra onde não há promessa de um mundo melhor e que diariamente existe a luta pela sobrevivência, reconstrução e proteção da vida humana. Chegou a hora da terra sem lei, o mundo canibal de…

Rage MarvoxBrasil Ediçao 137

Leia o resto deste post

Ed.Nº 117 – Wolfenstein: The New Order (PC, 2014)

AnaliseFaaala gamers do Brasil! Na edição passada o Blog MarvoxBrasil trouxe a análise de Wolfenstein: The Old Blood, e para dar continuidade na história de B.J Blazkowicz teremos que partir para a sequência com Wolfenstein: The New Order.

The New Order é um jogo de ação com visão em primeira pessoa e foi lançado em 20 de maio de 2014, desenvolvido pela MachineGames, publicado pela Bethesda Softworks e encontra-se disponível para PC, PS3, PS4, Xbox 360 e Xbox One.

Nesta análise vamos conferir a ligação entre os dois jogos lançados, e no final temos uma pequena passagem com jogos curiosos para relembrar as experiências que Wolfenstein 3D trouxe na época em que foi lançado pela primeira vez. Acompanhem:

WTNO000 Leia o resto deste post

Ed.Nº 116 – Wolfenstein: The Old Blood (PC, 2015)

AnaliseFaaala gamers do Brasil! Estamos de volta com a nossa programação normal no Blog MarvoxBrasil, e o assunto da edição 116 é sobre Wolfenstein: The Old Blood, desenvolvido pela MachineGames e publicado pela Bethesda Softworks, o jogo foi lançado em 5 de maio de 2015 e está disponível para PC, PS4 e Xbox One.

Antes, quero agradecer ao pessoal que acompanhou a jogatina de Wolfenstein: Old Blood na pequena live da madruga no Steam, alguns gamers não conhecia o jogo, não sabiam da existência do jogo e foi bom porque o pessoal que viu gostou, fiquei contente por isso. Valeu Jack, KingFox e outros que assistiram!

Old Blood é um jogo stand-alone, ou seja, não é necessário instalar o “The New Order” para conseguir jogar, e nesta análise vamos conhecer melhor esta nova criação, a volta de Wolfenstein para nossas mentes, e porque este jogo é essencial para você que gosta de Shooter. Acompanhem:

WTOB000 Leia o resto deste post

%d blogueiros gostam disto: