Ed.Nº 110 – Half-Life 2: Update (PC, 2015)

AnaliseFaaala gamers do Brasil! Estamos de volta aqui no Blog MarvoxBrasil, e na edição passada estávamos em meio ao clima dos anos 70 com os policiais de Los Angeles, você que joga no PC, você que joga no Xbox One aproveite para ler a Edição 109 com LA Cops para conhecer mais uma opção diferente para jogar e se divertir. Agora na edição 110, o assunto é sobre a atualização que o jogo Half-Life 2 recebeu no mês passado, em março. A atualização é gratuita e está disponível no Steam, se você tem uma conta Steam aproveite para realizar o seu download e reviver a viagem de Gordon Freeman através da City 17 com um aspecto rejuvenescido. Essa atualização realmente foi necessária? A diversão continua a mesma? Mudou muita coisa? É o que veremos a partir de agora, portanto, pegue já o seu pé-de-cabra e vamos juntos em companhia com a jovem Alyx para cima dos Combines, enquanto G-Man assiste tudo de camarote (nem um pouco esperto) e outras figuras marcantes deste universo criado pela Valve. Acompanhe agora, Half-Life 2: Update, no Blog MarvoxBrasil!

MVXEd110Capa

Uma geração e meia

Em uma época que respirava mudanças por todos os lados da indústria dos games, onde havia a participação do Nintendo 64, PlayStation, era também o momento da chegada do Game Boy Color. Não existia Steam, Xbox Live e PSN mas o Dreamcast faria com que isso começasse a virar tendência ao trazer a conexão da Internet para um console de mesa. Estávamos ainda vivendo a geração 32 e 64 bits e ainda estava para iniciar os modelos 128-bits. Era muita coisa para experimentar  e conhecer ao mesmo tempo. Do outro lado, com relação aos jogos do gênero FPS no PC também recebiam mudanças na concepção e também em suas narrativas que começava a ficar mais voltada ao clima de um filme, a ação ganhava pausas que fazia o jogador pensar para conseguir prosseguir pelas fases, introduziram climas com maior suspense e mais mistérios, era possível também ler mais textos e ouvir vozes dos personagens de forma que ao juntar isso tudo, era possível entender o que estava acontecendo no jogo.

Em 8 de novembro de 1998, a Valve lançava seu primeiro Half-Life, um jogo de ação e ficção científica. No enredo, o jogador entra na pele do protagonista Gordon Freeman, um Físico graduado no MIT, o personagem tem 27 anos e foi designado para trabalhar no complexo científico chamado Black Mesa, localizado na Cidade do México. Em um dia comum de trabalho, Gordon acaba por desencadear a abertura de portais dimensionais entre a Terra e o planeta Xen. Toda a Black Mesa é isolada e nesse momento, fuzileiros fortemente armados entram em cena com um objetivo só – O que ou quem estiver lá dentro vai continuar dentro. Portões são trancados e a Black Mesa virou uma enorme incubadora. Neste momento entram dois personagens, Adrian Shephard e Barney Calhoun que cruzarão de alguma forma o caminho de Gordon Freeman. Com isso temos três jogos, cada um seguido pelo ano de lançamento: Half-Life com Gordon Freeman (1998). Half-Life: Opposing Force com Adrian Shephard (1999). Half-Life: Blue Shift com Barney Calhoun (2001). Esse é o caminho para conhecer o primeiro Half-Life.

HL2Up014

Então você é aquele cara que curte andar de trem?

Quando Half-Life 2 chegou o momento era outro, em 2004 já tínhamos PS2, GameCube e o primeiro Xbox, os jogos começaram a ganhar um visual mais conceitual e aprimoramento de detalhes técnicos, os rostos dos personagens ficaram mais arredondados, os ambientes internos recebiam um cuidado maior, e as técnicas de combate ficaram mais sensíveis. Os desenvolvedores começaram a querer introduzir físicas cada vez mais realistas nos jogos de ação e em paralelo com os Shooters. Ver inimigos por exemplo, em Max Payne 2 serem derrubados e seus corpos ao encostar em objetos conseguir derrubar caixas e prateleiras trazendo a ideia do ragdoll que fazia com que os inimigos pareçam bonecos “dummies” de prova daqueles usados em testes de colisão com carros como foi exibido pela primeira vez em FlatOut. Tudo isso mostrava que a brincadeira começaria a ficar bem diferente. Em 16 de novembro de 2004, a Valve apresentou Half-Life 2, um novo jogo com um clima totalmente diferente, a volta de Gordon Freeman e seu pé-de-cabra, uma Terra vendida e inimigos que atiravam ao mesmo tempo em que estes eram atacados desligando-se da ideia do espaço ou daquele meio tempo que o inimigo dava para o jogador conseguir atacar, tudo acontecia ao mesmo tempo e fazia o jogador pensar mais rápido. Mais do que isso, a vinda da nova engine Source que aprimorava esse conceito da física, isso aproximou os jogadores da ideia de peso e contra peso, níveis de impactos e fórmulas que talvez só quem estuda física poderia ter contato, mas em Half-Life 2 qualquer jogador poderia ganhar uma noção mesmo sem tocar em livros sobre o assunto.

A City 17 com cheiro de tinta fresca

HL2Up016Não é a primeira vez que alguém decidiu mexer com o visual de Half-Life. Em 2012 a brincadeira aconteceu com o primeiro Half-Life lançado em 1998, quando um grupo de designers e programadores apresentou Black-Mesa. Praticamente foi o primeiro trabalho de remasterização envolvendo a franquia Half-Life. Ainda em 2012, o Blog MarvoxBrasil trouxe uma análise e contou como foi a experiência de voltar para os confins do Novo México e rever a aventura onde tudo começou, só que com uma cara nova, o que desperta mais ainda a curiosidade para saber como tudo ficou. Realmente o trabalho em Black-Mesa foi muito bem feito ao trazer detalhes que em 1998 não era ainda tão possível assim. O que já era bom ficou mais interessante e continuou divertido.

Mas estamos em 2015 e alguém decidiu que Half-Life 2 merecia receber também um tapa no visual. Todo o trabalho em cima desta atualização foi feito na Romênia pelo designer e programador Filip Victor com a supervisão da Valve que acompanhou o trabalho do rapaz. Ainda não sabemos se o Episode 1 e 2 também terão seus pisos e janelas reformados, se depender do designer isso poderá acontecer. Mas neste momento sobre Half-Life 2: Update, o que muda são detalhes técnicos durante as fases e faz com que a experiência seja renovada. Foi uma surpresa essa atualização, então vejamos o que ganhamos com isso.

A luz do Sol passa de forma adequada pelas janelas, locais próximos das janelas ficam bem iluminados e pontos longe das janelas a claridade é menor.

Superfícies de metal como lixeiras, placas, postes e mesas refletem o ambiente dependendo do ângulo que o jogador direciona a visão do personagem.

Os Combines que são os policiais e soldados das forças especiais que atacam Gordon Freeman em várias partes do jogo também foram beneficiados, quando eles caem com o rosto virado para o céu, a iluminação e o ambiente são refletidos nos óculos que os soldados usam.

Os Combines usam uniformes reforçados com coletes, e a atualização faz com que o corpo desses inimigos fique mais convincente ao receber os tiros das armas de Gordon Freeman.

Em áreas externas, o horizonte perdeu aquela neblina que não dava para enxergar o que tinha do outro lado das montanhas como se a fase ou área fosse fechada em um ponto só, sendo assim o plano de fundo foi preenchido com prédios e outros detalhes sendo possível um olhar mais panorâmico.

Durante o Capítulo 7: Highway 17 – A água do mar apresenta mais ondas e marolas e a areia espalha-se mais ao andar ou passar com os pneus do veículo que Gordon dirige. Assim como fogo, fumaça e poeira agora fazem parte dos detalhes visuais.

Quem já tem o Half-Life 2 separado ou junto da Orange Box, o Update é colocado no Steam como “outro jogo” sendo necessário fazer um novo download e instalar como se fosse a primeira vez, com a vantagem que o download é gratuito, então, mesmo para quem nunca comprou Half-Life 2 poderá baixar e instalar normalmente em seu PC para conseguir jogar. O jogo possui 13 capítulos que ao todo duram em torno de 10 horas para chegar até o final da aventura.

Isso vale também para as conquistas, ao todo são 33 conquistas para serem desbloqueadas através do Steam. Mesmo quem jogou e terminou, terá que desbloquear tudo de novo.

Nota do autor – Half-Life 2: Update é uma atualização saudável e sincera.

Eu lembro quando Half-Life 2 começou a ser bastante comentado em revistas da época, acontecia aqui no Brasil, especificamente em São Paulo, um dos primeiros contatos com feiras de videogame que eu tive foi na EGS 2004 que pude ver pela primeira vez Half-Life 2 de perto e jogar um pouquinho, lembro do balcão espaçoso montado pela AMD com cerca de 10 computadores, todos com a placa de vídeo que era lançamento da época para apresentar Half-Life 2 para a galera. No ano seguinte em 2005 veio o Steam, e mais tarde o pacotão da caixa laranja (Orange Box) que trouxe Portal no meio da história. Voltar para Half-Life 2 me fez pensar a falta que faz um jogo com um clima tão prazeroso, cheio de mistérios, perseguições, músicas que passam pelos ouvidos de forma maestral e dão aquela sensação boa enquanto tentamos tomar o controle da situação, muitas vezes sem saber ao certo com o que ou contra quem estamos lutando, sempre sendo vigiado pelo G-Man, e ainda sem saber qual será o desfecho de tudo isso. Não tem problema porque, o jogo é bem louco e na maioria das situações o que é bom não tem explicação, só ao embarcar na experiência para ver de perto tudo o que acontece. Como disse um grande amigo enquanto eu estava jogando, esse é o Definitive Edition. Confiram abaixo a nossa galeria de imagens com alguns trechos de Half-Life 2: Update capturados durante o jogo. A edição 110 fica por aqui, até a próxima!

Links importantes:

– Loja Steam Half-Life 2: Update, clique aqui
– Edição 69: Black Mesa (PC, 2012), clique aqui
– Edição 109: LA Cops (PC/Xbox One, 2015), clique aqui

Sobre Marvox

Formado em Comunicação Social: Propaganda e Marketing, fundador e autor do Blog MarvoxBrasil. Criador da série Start Again no Youtube. Desde 2015 faz parte da equipe do Canal Jornada Gamer. Minha maior paixão, saber que consigo ajudar pessoas a terminar mais jogos. Essa conquista não tem preço!

Publicado em 25 de abril de 2015, em Análises, PC, PC Retrô e marcado como , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. +Xracer – Que bom que essas informações animaram você. Depois de jogar, compartilhe com a gente o que achou das atualizações no jogo.
    Valeu por comentar!

    Curtir

  2. Uau !!! Excelente noticia !! Valeu pelo post !!
    O jeito vai ser reativar meu computador desktop com o Steam nele instalado… fiquei ultra curioso e animado para voltar a jogar o HL2 de novo agora !!

    Curtido por 1 pessoa

  1. Pingback: Ed.Nº 125 – MeMe Gamer: O Que Você Jogou Em 2015? #oqvj2015 | Blog MarvoxBrasil

Para comentar não é preciso se identificar. Mas, se quiser, pode comentar utilizando seu login do Facebook, Twitter, G+ ou Wordpress. Grande abraço!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: