Ed.Nº 81 – S.T.A.L.K.E.R – A Trilogia de um Desastre [Parte Final]

MVXED81STKCP

Faaala gamers do Brasil! O que dizer destes três títulos: Shadow of Chernobyl, Clear Sky e Call of Pripyat. Vendo assim parecem três jogos totalmente diferentes, mas não. Trata-se de subtítulos de um mesmo universo. O universo do jogo STALKER, que é exclusivo para o PC. Um jogo lançado pela softhouse ucraniana GSC Game World e publicado na América do Sul, do Norte e Austrália pela bitComposer Games. A história de um desastre nuclear real que aconteceu em 1986 transportado para o mundo virtual. Esse assunto é algo que ainda provoca curiosidade em muita gente. E o Blog MarvoxBrasil, começou na edição 77 – A Trilogia de um Desastre – justamente para relatar os momentos marcantes dos três jogos e ajudar aqueles que ainda vão se aventurar, seguimos para a edição 78 e finalmente agora, na edição 81 posso dar por encerrada a caminhada. Eu cheguei em Pripyat, não foi fácil. Minha caminhada, vocês conferem a partir de agora. Acompanhem!

STKCPCapa

A Madrugada Radioativa

Era madrugada quando o Chernobil 4 explodiu, a névoa que tomou conta do ar viajou até Pripyat. Uma situação das mais traidoras foi o fato do Governo Ucraniano da época não queria alastrar o pânico, ou seja, não queriam avisar nenhum dos moradores da cidade, mas isso não foi uma situação pequena como queimar carne na churrasqueira, a fumaça é tóxica mas todos sobrevivem, agora, não querer avisar no meio de uma contaminação radioativa de grande proporção? E todos com certeza poderiam morrer aos poucos, mas já era tarde demais. O momento era crítico e devido a diversas pressões de países vizinhos, Pripyat foi evacuada e seus mais de 200 mil habitantes foram embora para fugir da alta radiação que contaminava tudo por onde passava. A cidade, parou no tempo.

STKCP006STKCP007

Creio eu, além de todo o caos da situação, um outro ponto que ainda chama bastante atenção é o fato da cidade na época ter ganho um Parque de Diversão. Tudo aconteceu tão rápido que o tal Parque nem teve tempo de receber os moradores e as centenas de crianças que moravam em Pripyat, o que resultou em uma área que nem sequer foi inaugurada, e o pico mais inesquecível e que até hoje está em pé é a enorme Roda Gigante que aparece ao fundo do menú do jogo, e ainda dá uma vontade de chegar lá só para ver a realidade posta no jogo e ver se realmente o clima de abandono de Pripyat foi absorvido pelos criadores de S.T.A.L.K.E.R: Call of Pripyat.

Tecnologia

Apesar do título ter sido lançado em 2010, muitos podem achar que é um jogo pesado, mas digo à vocês que não é. O empenho na criação foi tanta, que o jogo suporta desde as placas com DirectX 8 até as mais avançadas já com o DirectX 11. Tudo isso foi feito para que todos possam jogar esta última versão da trilogia S.T.A.L.K.E.R e melhor ainda, ter a oportunidade de caminhar pela cidade fantasma de Pripyat. O melhor e mais legal da parte dos criadores é ter feito um jogo onde não é preciso preocupar-se com as duas versões anteriores para compreender a aventura. Esta pode ser considerada a versão definitiva e que conta um resumo de tudo o que aconteceu tanto na história real, da própria explosão da usina nuclear em Chernobyl há 27 anos atrás, quanto a história do jogo mesmo. Então, se você quiser apenas jogar Call of Pripyat sem dar atenção para as outras duas versões anteriores, você pode e sem problema algum.

STKCP004

Quem é Você Nesta Versão?

Nos dois primeiros jogos, em Shadow of Chernobyl e Clear Sky, você era um mercenário que aceitava qualquer trabalho na troca de informações sobre o tal Strelok. Em Call of Pripyat, você encarna na pele de um soldado das forças armadas que tem como objetivo descobrir o que aconteceu com alguns helicópteros do exército que foram até Pripyat em busca de algumas respostas e no final todos sumiram inesperadamente. Cada um dos helicópteros caíram em pontos isolados e caberá à você ir até o local de cada destroço para investigar o que aconteceu.

STKCP008

PRESSAB

E a partir de agora, acompanhem um pouco mais sobre a caminhada até a Cidade de Pripyat. O jogo começa na região de Zaton, continua na região de Jupiter e finaliza na própria Pripyat. Foram momentos de grandes desafios que vocês conferem nas imagens à seguir:

STKCP001 STKCP002 STKCP003 STKCP010 STKCP011 STKCP013 STKCP014 STKCP015 STKCP017 STKCP018 STKCP019 STKCP020 STKCP021 STKCP022 STKCP023 STKCP024

E a Edição 81, não pára por aqui. Agora, você pode conferir abaixo, um documentário que passou no National Geographic e que conta um pouco como tudo aconteceu em Pripyat. As imagens que aparecem no vídeo da NatGeo estão lá no jogo. É impressionante! Assista porque é muito legal e a explicação é bastante dinâmica.

NatGeo: Segundos Fatais, Catástrofe em Chernobyl [Áudio: Português]

Com isso, a série Stalker: A Trilogia de um Desastre. realizada pelo Blog MarvoxBrasil fica por aqui. Shadow of Chernobyl, Clear Sky e Call of Pripyat, qual você gostou mais? E se você não jogou, e gosta de games que mexem com realidades fatídicas, valerá a pena cada minuto. As partes 1 e 2 da Trilogia de Um Desastre, estão nos links abaixo. Acessem para conhecer os jogos de 2007 e 2008 e aproveite para responder a pesquisa da edição, é um clique que dura menos de um minuto. Vejo vocês na Edição 82, até a próxima!

Edição Nº 77 – S.T.A.L.K.E.R – A Trilogia de um Desastre [Parte 1] (S.T.A.L.K.E.R: Shadow of Chernobyl)

Edição Nº 78 – S.T.A.L.K.E.R – A Trilogia de um Desastre [Parte 2] (S.T.A.L.K.E.R: Clear Sky)

2 Comments

  1. Eae mano marvo, bcp aqui. Saudade cara, passa teu celular pra mim, por favor. Pode ser pelo email mesmo.

    Curtir

Venha comentar e compartilhar sua experiência!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s