Ed.Nº 50 – Tributo ao F.P.S, Parte 12 – OutLaws

Sentir o cheiro das montanhas, olhar para o céu mais puro do velho-oeste e beber da melhor água de todo o mundo. Tudo isso em companhia da família Anderson formada por Anna, James e sua única filha Sarah.

Nesta edição nº 50, vamos relembrar de uma época em que o nome LucasArts não estava ligado com nada da franquia Star Wars.

Desta vez, a produtora criou OutLaws, um dos jogos mais marcantes do ano de 1997. Que apesar de não levar a melhor das engines gráficas, levou a melhor das histórias de cowboy.

Se hoje temos aí Gun, Red Dead Redemptions, Sunset Riders, nossa quanto eu joguei Sunset Riders no Super Nintendo e no Arcade.

OutLaws foi um dos primeiros jogos de tiro em primeira pessoa, FPS, que abordou o tema velho-oeste.

Aqui na edição, você verá imagens, e também conhecerá os personagens e  curiosidades por trás deste jogo. Espero que gostem.

Título – OutLaws
Dev – Lucas Arts
Publ – Lucas Arts
Plataforma – PC
Ano: 1997

 

OutLaws foi criado pela LucasArts em 1997, utilizando a mesma engine gráfica de Star Wars Dark Forces (1995). O tema aborda o velho-oeste, e o mais legal são as animações que aparecem no meio de cada estágio. Para essas animações em CG, a Lucas Arts utilizou filtros especiais para parecer que tudo foi feito à mão.

ENREDO:
James Anderson é um policial aposentado da U.S Marshal. Enquanto saía para fazer compras na mercearia da região dois homens foram até a casa dos Andersons conversar com Anna (esposa) e Sarah (a única filha). Quando Anna abriu a porta, deu de cara com a dupla Matt “Dr. Death” Jackson, e “Slim” Sam Fulton. Empregados do Barão Bob Graham, um homem poderoso e muito rico que decidiu comprar as terras dos moradores para construir uma linha de trem. Para convencer os moradores a vender suas terras, o barão contratou os bandidos mais barra-pesada e usou o método da intimidação.

Os problemas realmente começam quando Dr. Death sequestra a filha de James, mata a esposa e queima toda a casa. Quando James volta da mercearia, fica completamente desolado. Agora cabe a James Anderson, recuperar a filha Sarah, e vingar a morte da esposa. James parte em busca de Sarah, o problema é que ele não faz a mínima idéia de onde ela pode estar. Então, você guiará James por todo o deserto do velho-oeste, em cidades, trens, desfiladeiros, minas de diamante, até chegar no Rancho Big Rock, onde o Barão Bob Graham mora. E assim travar o confronto entre James e Bob Graham.

JOGABILIDADE:

OutLaws é um jogo de tiro em primeira pessoa. O visual meio cartunesco não compromete em nada a qualidade do visual. Os inimigos são rápidos, dependendo do nível de dificuldade ficam mais rápidos e se você bobear, com dois ou três tiros, você já era. Durante a jornada, você ouvirá muito a seguinte frase: “Where are you, Marshall?” (Onde você está Marshall?) e “Don’t be a fool, Marshall!” (Não seja tolo Marshall!), duas frases que os bandidos dizem enquanto procuram você.

O jogo pode ser salvo em qualquer parte, e antes de começar a jogar, existe um modo Tutorial para você ganhar prática em atirar, pular, controlar o fôlego de James durante uma corrida. E usar a arma certa para o momento certo. Os itens que James encontra pelo caminho são:

– Kit Médico – Uma maleta preta com a cruz vermelha, você pode carregar até 9 matelas. Use-as naquelas horas em que você está quase batendo as botas.

– Pedaço de Vidro – Este será o seu escudo durante o jogo. É difícil encontrá-los, por isso, é importante saber preservar o escudo e carregá-lo pelo maior tempo possível.

– Estrela de Xerife – Ela é prateada e gira sem parar. Com essa estrela é como se James ganhasse uma adrenalina maior e a pontaria fica mais certeira.

– Chaves – Existem 3 tipos: Silver(prata), Bronze e Gold (ouro).

– Lamparina – Pode ser chamado de lampião. Aqui para iluminar você utiliza a força do lampião, porém precisa recuperar a força com óleo, encontre as garrafinhas de óleo espalhadas pela fase.

– Pedras Sagradas – Encontradas no vilarejo indígena, as pedras são para ser encaixadas na parede e assim abrir novos caminhos.

CONFIGURAÇÃO:

Você pode jogar apenas com teclado, ou com o combo mouse+teclado, isso fica a seu critério. O interessante é que OutLaws foi o primeiro jogo a utilizar o esquema de recarregar a arma manualmente. Então, quando as balas acabam, é necessário apertar o botão de recarregar na quantidade necessária até a arma encher de balas novamente. Por exemplo, o revólver tem 6 tiros. Então, eu terei que apertar 6 vezes o botão de recarregar.

Mas calma, isso só acontece com revólver e shotguns, metralhadoras não.  O jogo original, vem em 2 CDs. Você instala os dois CDs e começa a jogar pelo CD1. Quando chegar na metade do jogo, você será avisado a hora de colocar o CD2. Acreditem pessoal, o jogo roda tranquilamente no Windows XP, sem a necessidade de algum programa para emular o DOS.

Isso é bom, porque facilita a vida e afasta o nervosismo de configurar tanta coisa. Por isso, instale normalmente e clique para jogar. As música são carregadas direto do CD e dão um show a parte. Fiquem com as imagens de OutLaws:

Longplay do jogo OutLaws

E olha só que legal! Aqui embaixo você poderá conhecer todas as fases do jogo OutLaws, este vídeo eu gravei para o Canal Jornada Gamer, para você ver com mais clareza como tudo funciona com os caminhos e os segredos existentes em cada fase até o final. E se em algum momento você chegar a jogar e ficar travado em alguma parte, pode utilizar este vídeo como ajuda. Assista este e outros vídeos no Canal Jornada Gamer, clique aqui e inscreva-se, tenho certeza que você vai gostar.

 

Curiosidades acerca do jogo OutLaws

– Talvez OutLaws ganharia mais popularidade se a Lucas Arts tivésse utilizado uma engine mais atual para a época. Lembramos que Dark Forces, tinha um visual muito parecido com DOOM. Porém, com o efeito dos filtros e a sensação de desenho feito à mão, ficou impossível repararmos nisso e o jogo ficou bonito graças a uma técnica diferente e ousada.

– Em 2005, era possível encontrar em torno de 20 jogadores no MSN Gaming Zone e em servidores criados por fãs, onde lá tiravam partidas multiplayers e exibiam novos estágios criados pelos fãs.

– Half-Life, em sua primeira saga, também entrou na moda do velho-oeste e ganhou um mod, chamado The OutLaw Mod, apesar de lembrar o antigo jogo da LucasArts, só faltou as cenas entre os estágios.

– OutLaws é listado como número 1 na lista pessoal de jogos favoritos de John Romero, um dos criadores de DOOM, e chefe final em DOOM 2 e Final DOOM.

– A popularidade de OutLaws começou a cair no momento em que o jogo não acompanhou a evolução do sistema operacional. E para piorar, o jogo foi criado em 1997 para ser usado no Windows 95. E quando as pessoas mudaram para o Windows 98, o jogo começou a apresentar falhas e isso fez a Lucas Arts criar um patch nomeado de “1.1”. Tudo bem que o patch dava suporte para Direct 3D e Áudio 3D, mas não ficou estável. E as pessoas na verdade queriam jogar online.

E no Windows XP, os problemas só pioraram para os games internautas. A verdade é que pessoas em todo o mundo gostam dos jogos, e as fabricantes deveriam ter mais respeito com esses gamers, porque eles ainda jogam mesmo que o game seja clássico e desatualizado. Deveria existir um servidor, para juntar os jogos antigos e reviver as disputas multiplayers destes jogos. Os sistemas operacionais podem impedir que joguemos aqueles jogos mais antigos, mas nunca vão acabar com a nossa vontade de tentar fazer aquele jogo rodar, não importa como. E se todas as suas tentativas foram frustrantes, tente usar o DOSBOX, que com certeza funcionará.

– Vale a pena jogar OutLaws, pela história e até mesmo porque mesmo sendo lançado numa época com configurações mais limitadas, pode ser instalado tranquilamente no Windows XP e o jogo conta com suporte a mouse e teclado da mesma forma como quem joga F.P.S está acostumado. Fique agora com a nossa enquéte da edição Nº 50. Comentem, sugiram novas matérias, este é o Blog MarvoxBrasil, feito para você que gosta de games, tanto quanto eu.

Até a próxima edição, fiquem ligados, no Twitter, Orkut e Playfire, sempre pode pintar alguma novidade. Valeu pela atenção!

A partir de agora, você confere, vídeos da introdução de OutLaws, para quem não conhece, saber como é. E para quem conhece, relembrar bons momentos. Além das animações gravadas, também deixarei os vídeos com músicas. Aumente o som, porque a trilha sonora, é muito boa.

Música – Anna’s Theme

Música – The Last Gunfight

Música – Two Feathers

Música – The Ballad of Dr. Death

Música – Sanchez The OutLaw

Músicas – Outlaws

– Imaginem vocês, jogar com um som maravilhoso como estes mostrados acima? Uma época em que trilha sonora não era para vender jogo. Os produtores faziam as trilhas porque achavam legal. E faziam de tudo para casar jogo e trilha sonora. Isso sim é perfeição.

Agora sim pessoal, fico por aqui. Até a próxima!

Sobre Marvox

Formado em Comunicação Social: Propaganda e Marketing, fundador e autor do Blog MarvoxBrasil. Criador da série Start Again no Youtube. Desde 2015 faz parte da equipe do Canal Jornada Gamer. Minha maior paixão, saber que consigo ajudar pessoas a terminar mais jogos. Essa conquista não tem preço!

Publicado em 30 de agosto de 2010, em Análises, Especiais, PC Retrô e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. esse jogo é bem legal. nos anos 90, quando criança, via ele nas revistas de pc, tinha vontade, mas ñ tinha grana pra comprar. comprei um a algum tempo atras e o jogo é muito bacana.

    Curtir

  2. Melhor FPS que já joguei, parabéns pelo Post.

    Curtir

  3. awesome, I was already doing something similar to that but learned a few extra tips that should really help

    Curtir

  4. Maluco do céu, que jogo!! Confesso que a primeira vez que joguei a anos atrás não achei legal não, mas uma rejogada recente me fez mudar de idéia. As animações e a história são sensacionais, realmente foi um trabalho muito diferenciado para a época. Pena ter passado despercebido de certo modo. LucasArts eterna!

    Aparece lá no Forum, tem uma seção de notícias agora…hauhauha

    abraço se cuida!

    Curtir

  5. Esse OUTLAWSera muito foda.

    Joguei muito em uma outra época. Comecei nos FPS por ai, te digo, DOOM e Duke Nukem só vieram depois.

    Continue com os boms posts! Não comernto sempre mas to sempre bicando ai

    Abraços

    Curtir

Para comentar não é preciso se identificar. Mas, se quiser, pode comentar utilizando seu login do Facebook, Twitter, G+ ou Wordpress. Grande abraço!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: